IMPORTÂNCIA DA HISTÓRICA

IMPORTÂNCIA DA HISTÓRICA

OFICINAS DE MARACATU DE BAQUE VIRADO

OFICINAS DE MARACATU DE BAQUE VIRADO
PARTICIPE DAS NOSSAS OFICINAS, VENHA VIVENCIAR UMA DAS MAIS TRADICIONAIS EXPRESSÕES DA CULTURA AFROBRASILEIRA QUE É O MARACATU.

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

Diocese de Floresta e movimentos sociais, discutem formas de impedir a privatização da Chesf

Lideranças pastorais e sociais reunidas - Registro do Instituto Cultural Raízes

No último sábado dia 21 de outubro, estiveram reunidos representantes de diversas organizações sociais de Floresta e região, para discutir formas de mobilização que venham a impedir a privatização da Chesf e das águas do Rio São Francisco.

A iniciativa partiu da Diocese de Floresta, através das Pastorais Sociais, bem como do Instituto Cultural Raízes, Provida e da Cáritas.

Na reunião, estiveram presentes também, os representantes do MST, Fetape, Sindurb-Sindicato dos Urbanitários de Pernambuco, CPT, PJR, Polo Sindical do submédio São Francisco, Associações Quilombolas de Itacuruba e Petrolândia e, Pastoral da Criança.

Equipe da Comunicação - Instituto Raízes e Assoc.Quilombola Borda do Lago
Num primeiro momento, foi realizada uma breve avaliação da conjuntura atual, em que figura de forma intensa os ataques promovidos pelo governo federal que prossegue com seus golpes contra os trabalhadores e a população menos favorecida, através da retirada de direitos e da entrega do patrimônio nacional nas mãos do capital estrangeiro.

Entre as intenções nefastas dos golpistas, figura a privatização do setor elétrico, inclusive da Chesf, o que representaria também a privatização do uso das águas do Rio São Francisco.

Os movimentos sociais têm a compreensão de que tal iniciativa, caso venha a se concretizar, trará imensos prejuízos para a população do Nordeste, sobretudo no que diz respeito ao aumento das tarifas da conta de energia e, na utilização das águas do rio, que prejudicará milhares de famílias, pescadores e pequenos produtores que dependem do São Francisco, para sobreviverem.


Num segundo momento do encontro, ficou definido que será realizado no dia 15 de dezembro de 2017, na cidade de Petrolândia, um Forum Social em Defesa da Chesf e do Rio São Francisco e Contra a retirada de Direitos Sociais e Trabalhistas.

Em seguida, foram formadas as comissões que ficarão responsáveis pela comunicação, articulação, mobilização e infra-estrutura para a realização do Forum.

Serão convidados e articulados os vários seguimentos sociais, econômicos, de trabalhadores e religiosos da região do São Francisco, de Pernambuco e estados vizinhos para participarem do referido Forum.

Nenhum comentário:

Postar um comentário