IMPORTÂNCIA DA HISTÓRICA

IMPORTÂNCIA DA HISTÓRICA

OFICINAS DE MARACATU DE BAQUE VIRADO

OFICINAS DE MARACATU DE BAQUE VIRADO
PARTICIPE DAS NOSSAS OFICINAS, VENHA VIVENCIAR UMA DAS MAIS TRADICIONAIS EXPRESSÕES DA CULTURA AFROBRASILEIRA QUE É O MARACATU.

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Secretário Estadual de Cultura realiza reunião em Floresta


No último sábado 14 de setembro, o Secretário Estadual de Cultura, Marcelino Granja, participou (na Casa da Confraria do Rosário) de reunião com vários representantes da Cultura da cidade de Floresta, que contou ainda com a presença do Prefeito e Vice-Prefeito do município, além de outras representações à exemplo do Instituto Cultural Raízes.

Após fazer explanação inicial e em seguida ouvir perguntas e propostas dos participantes, o Secretário de Cultura, anunciou para Floresta a realização da Pré-Conferência Estadual de Cultura da região do sertão de itaparica, cuja data ficou definida para o dia 20 de novembro de 2017, Dia Nacional da Consciência Negra.

Outra importante decisão foi anunciada pelo secretário, que é a instalação de um escritório regional da Secretaria Estadual de Cultura em Floresta, com a finalidade de atender as demandas culturais da região sertaneja.

Anunciou ainda, a tomada de providências no sentido de realizar capacitações de produtores culturais da região, para possibilitar o acesso aos editais do Funcultura.


O Instituto Cultural Raízes foi representado pelo seu Presidente, Libânio Neto e, pelos demais diretores: Marciano, Márcio, Júnior, Igor, Priscila, Sâmara e Ana Beatriz.

Em sua fala, Libânio Neto destacou a dimensão do trabalho realizado pelo Instituto Raízes em Floresta e região e, especialmente na Comunidade do Vulcão/Escondidinho, com seus resultados positivos já alcançados. Falou ainda das dificuldades enfrentadas para manter o trabalho, sobretudo no que diz respeito a falta de apoio financeiro governamental.

Destacou também a importância de se retomar o incentivo a constituição do Pólo das Etnias, centralizado em Floresta, e a necessária valorização dos artistas e grupos culturais existentes na região.

Concluindo, Libânio Neto falou da experiência do Instituto Raízes em manter a realização da celebração da Consciência Negra, desde o ano de 2010 em Floresta e, solicitou apoio para a realização da celebração nesse ano de 2017.

Nenhum comentário:

Postar um comentário